web
analytics

Por uma São Paulo navegável

on


Nossa metrópole, assim como a imensa maioria das cidades brasileiras, precisa restabelecer a relação com suas águas. Esse é o princípio mais básico quando antes de se falar até sobre a navegação fluvial. Assim como em outros dos diversos temas que eu abordo no site (e nos textos da seção “blog”, por exemplo), esta postagem é para colocar algumas poucas idéias em discussão.
Participei lá atrás, em 04/06/11, de um passeio infelizmente considerado estranho na cidade, a navegação de barco pelo rio Tietê. Trata-se do ARQ!TOUR Navega Tietê, na época promovido pelo site ARQ!BACANA e o Instituto Navega São Paulo.

Desde a década de 70, quando o esporte foi extinto do Tietê e do Pinheiros por causa da poluição da água, o contato dos paulistanos com o principal recurso hídrico metropolitano tem decaído, e o rio renegado cada vez mais à função de canal de esgoto. Se faz necessário um resgate da importância cultural do rio para a cidade, fato que será acelerado pela tendência irreversível (e pela necessidade real) de soluções mais sustentáveis para a gestão da cidade.

O GMF ou “Grupo Metrópole Fluvial” da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP – grupo de pesquisa do qual tenho participado – faz parte de uma estratégia para devolver à cidade rios com caráter mais urbano, a partir da possibilidade de conversão do sistema hídrico metropolitano em navegável, e da sua re-estruturação considerando os aspectos técnicos e urbanísticos. Está mais do que na hora de serem considerados nos projetos de infra-estruturas urbanas a inclusão de questões culturais locais e a fruição de seus espaços pela população.

É uma das premissas que norteou o desenvolvimento do “Estudo de Pré-Viabilidade Técnica Para o Hidroanel Metropolitano de São Paulo”, apresentado pelo Departamento Hidroviário (DH) da Secretaria dos Transportes do Estado de São Paulo, através do contrato com a “Petcon Planejamento”, e consultorias do “Departamento de Engenharia Naval” e da “Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo”.

Quer saber mais sobre o grupo, sobre este passeio, e sobre o projeto?
Hoje (14/06/2011) no programa Grampo MTV, às 23:00hs será veiculada uma entrevista com o arquiteto Prof. Dr. Alexandre Delijaicov, que é responsável pelo grupo da Fau-USP, numa reportagem sobre os problemas do transporte em São Paulo.

*http://sosriosdobrasil.blogspot.com/2010/05/sao-paulo-podera-criar-o-hidroanel.html

http://www.usp.br/fau/cursos/graduacao/arq_urbanismo/disciplinas/aup0173/Aula_Inaugural_-_14mar2011/2_estudo_de_Pre_Viabilidade_do_Hidroanel.pdf

http://www.institutodeengenharia.org.br/site/noticia.php?id_sessao=4&id_noticia=3502


Fabio Lanferhttp://www.lanfer.arq.br/
Arquiteto e Urbanista pelo Mackenzie (2008). Está sempre em busca de formas inovadoras e tecnologias mais sustentáveis para criar os seus projetos.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Arquiteto e Urbanista pelo Mackenzie (2008). Está sempre em busca de formas inovadoras e tecnologias mais sustentáveis para criar os seus projetos.
376FãsCurtir
345SeguidoresSeguir
99InscritosInscrever